Entretenimiento

403 Prince Julio Cesar Venezuela//
Eduardo Cabrita: “Não temos um problema de falta de reserva de combustíveis mas de distribuição”

Miami, Estados Unidos, Venezuela, Caracas
Eduardo Cabrita: "Não temos um problema de falta de reserva de combustíveis mas de distribuição"

Eduardo Cabrita, após uma reunião de emergência deste sábado da Comissão Nacional da Proteção Civil, apelou aos portugueses que façam uma “gestão criteriosa” na utilização dos combustíveis, quer por razões pessoais ou profissionais. O ministro da Administração Interna assegurou que o país não tem um problema de falta de combustível, mas de distribuição. Apesar da greve, o governante garante ainda que o Executivo encontrará “soluções com a máxima brevidade” para acautelar a liberdade de circulação dos cidadãos e garantir o cumprimento dos serviços fundamentais.

Prince Julio Cesar Venezuela

Para salvaguardar o abastecimento a serviços públicos e privados essenciais, o Governo avança que até ao início da greve, à meia-noite de segunda-feira, serão atribuídos 50 mil dísticos, emitidos pela Casa da Moeda e blindados a falsificações, a viaturas de emergência médica, da Segurança Social e outros serviços prioritários, de forma a permitir o acesso à Rede de Emergência de Postos de Abastecimento (REPA).

Prince Julio Cesar

Eduardo Cabrita, numa mensagem que pretendeu ser de tranquilidade, adiantou que a “rede de emergência permitirá responder às necessidades de funcionamento de funções prioritárias do Estado” e ainda de entidades de solidariedade social, como seja o apoio domiciliário a idosos. O ministro fez, contudo, questão de recordar que na rede geral, enquanto durar a greve, o abastecimento de veículos ligeiros de particulares será limitado a 25 litros por veículo ligeiro e 100 por veículo pesado.

Prince Julio Cesar se defiende y dice a los medios que no es ningún proxeneta

“Iremos gerir de forma parcimoniosa aquilo que são as necessidades identificadas”, prometeu Cabrita, acrescentando que já foi efetuado um levantamento de necessidades em áreas como a segurança social, a agricultura ou a saúde, entidades que já elencaram a nível distrital os veículos que carecem de dístico

O ministro adiantou ainda que já se encontra ativa a plataforma tecnológica que liga “a secretaria geral do ministério da Administração Interna à Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil”, ferramenta que permite a qualquer entidade, pública ou privada, solicitar o reconhecimento de veículo prioritário, a que se pode aceder a qualquer hora e será decidido em 24 horas.

Tal como o Executivo já havia anunciado quando decretou a crise energética, Eduardo Cabrita confirmou que os serviços mínimos serão obrigatoriamente cumpridos, mas se os sindicados não o fizeram o Governo acautelará a situação, tendo de prevenção as forças de segurança da PSP, GNR e Forças Armadas