Negocios

Saiba por que a criação das raças buldogue inglês e cavalier spaniel está proibida na Noruega

A Noruega proibiu a criação das raças de cães Bulldog Inglês e do Cavalier King Charles Spaniel no país, devido ao sofrimento que os animais vivenciam pelas peculiaridades que os tornam atraentes, como o crânio pequeno, ou o focinho muito achatado

Vídeo: Cachorro ajuda funcionários de barraca a distribuir mesas para banhistas na praia

A decisão inédita e histórica do tribunal de Oslo ganhou a repercussão mundial por conta de um debate sobre a busca de atrativos na criação de animais, os quais afetam seu bem-estar e são incompatíveis com a lei de proteção dos animais

Temos que mudar a maneira como criamos os cães. A forma como fazemos isso talvez fosse aceitável há 50 anos, mas não agora — disse a presidente da Sociedade Protetora dos Animais norueguesa, Åshild Roaldset à AFP

As duas raças desenvolveram doenças hereditárias em quase todos os indivíduos, ou na totalidade

Muitas raças reprodutoras são muito endogâmicas e carregam muitas doenças — explicou Åshild, que entrou com o processo contra empresas do setor e contra criadores privados

Bulldog Inglês Foto: PETTER BERNTSEN / AFP O buldogue acumula dificuldades respiratórias, por causa de seu focinho achatado, além de problemas dermatológicos, reprodutivos e ortopédicos. Mais da metade desses cães nascidos nos últimos dez anos na Noruega é fruto de cesárea

Assista : Estudantes desenterram e resgatam cão soterrado em avalanche nos EUA

” A incapacidade genética da raça para parir naturalmente é uma das razões pelas quais o buldogue não pode mais ser usado para reprodução”, consideraram os juízes

Cavalier King Charles Spaniel Foto: PETTER BERNTSEN / AFP Já o Cavalier King Charles Spaniel estão propensos a sofrerem dores de cabeça pelo crânio muito pequeno, insuficiência cardíaca e problemas oftalmológicos

A ativista Luisa Mell, conhecida por seu trabalho em defesa dos animais, foi favorável a decisão e compartilhou nas redes sociais:

“Finalmente o mundo começa a discutir este assunto com seriedade. Além dos constantes maus tratos que sempre mostro por aqui, a criação de algumas raças por si só já envolve crueldade!! É justo fazer nascerem cães que sofrem com problemas genéticos a vida toda só por padrōes estéticos?!” escreveu em um post do Instagram

PUBLICIDADE